terça-feira, 21 de setembro de 2010

A Paz que o mundo Procura

A paz que o mundo procura

A mensagem de hoje trata de uma das necessidades do mundo moderno: a paz. Entre os vários textos que abordam esse tema, na Palavra de Deus, encontra-se o verso sétimo do quarto capítulo de Filipenses, que afirma que “a paz de Deus, que excede todo entendimento guardará o vosso coração e a vossa mente em Cristo Jesus”. Ou seja, a paz sobrenatural, que vem do céu e não pode ser fornecida pelos homens, protegerá os nossos sentimentos e as nossas emoções, livrando-nos da ansiedade.

Há uma corrida pela paz na sociedade contemporânea. Nestes dias atribulados em que vivemos a paz é almejada em todas as camadas sociais e faixas etárias. Motivos não faltam para a ausência de paz: da educação dos filhos aos índices da bolsa de valores e sua importância para o investidor, o mundo vê-se envolto em situações que comprometem o sono tranquilo.

Há também (infelizmente) muita gente procurando a paz em coisas e lugares errados. É possível que muitos dos que tenham enveredado para o caminho das drogas o tenham feito, pensando na sensação de uma vida sem problemas. E não deve ser incomum, tampouco, a busca da alegria em uma garrafa de uísque, por exemplo. O problema não está em se divertir, mas em que os sentimentos de satisfação proporcionados por esses artifícios não são duradouros e não podem trazer paz.

De fato, a diversão e a paz não têm relação entre si. A diversão nos proporciona momentos de descontração e alegria, ao passo que a paz é uma condição. É como se a paz fosse um alicerce, no qual uma pessoa que a possui se mantivesse igualmente sustentada em qualquer circunstância, por certo incluindo os momentos de contentamento, mas independente deles.

Essa comparação está sendo feita com o intuito de ajudá-lo a analisar os fatos. É importante que você pare, por um momento, e reflita em como anda a sua vida e se, realmente, há paz no seu coração. Depois, visa-se esclarecer-lhe que essa condição de paz somente pode ser encontrada em Deus. A paz pertence a ele e, portanto, somente ele poderá transferi-la, reparti-la ou mesmo retê-la.

Mas, claro, nada o impede de reivindicá-la para você e isso é muito fácil: basta que, com sinceridade de coração, você a peça, e será sua imediatamente. O mais difícil, muitas vezes, é a nossa própria resistência em admitir que não somos suficientes para nos fazer felizes. Mas, se você conseguir enxergar que Deus o criou para viver a plenitude da existência, vença o orgulho e não perca tempo. A paz pode ser sua e é de graça.

Em Cristo,

Ap. Rina


Para receber o Fale Conosco, cadastre seu email no link abaixo:

http://www.boladenevechurch.com.br/cadastro.php

Receba também o Fala Pastor diariamente em seu celular.
Envie a palavra "falapastor" para 49820 e receba palavras que irão te edificar.
Serviço disponível para operadora Tim, Claro, Vivo, Oi e Brasil telecom.
Custo da mensagem recebida: R$ 0,31 + impostos.
Duvidas envie gratuitamente a palavra "info + sua duvida" para 49820.


Igreja Evangélica Bola de Neve
Rua Clélia, 1517 - Lapa / São Paulo - SP
Cultos: Quinta as 20h, Domingo as 10h, 16h (tradução em Libras) e 19h, estamos na Rua Clélia e
Sábado as 20h continuamos na Rua Turiassu, 734 - Perdizes
Para saber os horários de cultos na sua cidade acesse o site: www.boladeneve.com


segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Lance a sua vida nas águas de Deus: ela ressurgirá eterna

Lance a sua vida nas águas de Deus: ela ressurgirá eterna

O capítulo 11 do Livro de Eclesiastes tem início com a seguinte instrução: “[l]ança o teu pão sobre as águas, porque depois de muitos dias o acharás” (v. 1). Vamos atentar para a lei espiritual expressa nessas linhas:

Primeiramente, o versículo sugere um ato de doação. Quem lança, abre mão de alguma coisa e a entrega completamente aos cuidados de outro. E sendo o caso de lançar o pão sobre as águas, não apenas há a referência ao valor daquilo que deve ser doado — de importância vital para o homem —, como ao lugar que o deve receber como algo maior, que o comporte. E, finalmente, há a menção de que o que for doado voltará para o seu doador.

Ora, a lei da colheita é também conhecida nos princípios espirituais: colhemos o que plantamos; e podemos inferir que, se quisermos mais amor dos nossos cônjuges e amigos, devemos semear o amor nas suas vidas, se quisermos relacionamentos fortalecidos, devemos lançar mão do perdão, e, se desejarmos contentamento, devemos externar a alegria. De acordo com a palavra, a nossa colheita é certeira.

O mais importante a mantermos em mente, no entanto, é a simbologia dos elementos citados no versículo e, por conseguinte, a amplitude do que podemos esperar como colheita. O pão, como alimento e fonte de sustento, é a representação do homem e sua necessidade de sobrevivência, e a água, por si representação da abundância, é também fonte de vida para o homem. Assim, lançando-se a necessidade de vida sobre a fonte da vida, não haverá como receber outra coisa senão a vida em abundância.

É também simbólico o que pode ser entendido como água, o que está por toda parte, na Bíblia. Por exemplo, Jesus disse que era preciso nascer da “água e do Espírito” para entrar no reino de Deus (Jo 3:5), e ele próprio se revela como “água da vida”: “Se alguém tem sede, venha a mim e beba” (Jo 7: 37b). E, de fato, o exemplo da entrega foi dado pelo Pai, que entregou o seu Filho (lançando o Pão da perfeição) para produzir vida.

Desse modo fica fácil entender que o segredo está na entrega da nossa vida (do pão sacrificial da nossa existência) nas mãos do Senhor, lançando sobre as Águas tudo o que nos diz respeito. Ela será retornada para nós em abundância, na plenitude de sua essência... e eterna.

Fique na paz,

Ap. Rina

Para receber o Fala Pastor em seu e-mail clique no link abaixo
e cadastre o e-mail em que deseja receber:

http://www.boladenevechurch.com.br/cadastro.php


Receba também o Fala Pastor diariamente em seu celular.
Envie a palavra "falapastor" para 49820 e receba palavras que irão te edificar.
Serviço disponível para operadora Tim, Claro, Vivo, Oi e Brasil telecom.
Custo da mensagem recebida: R$ 0,31 + impostos.
Duvidas envie gratuitamente a palavra "info + sua duvida" para 49820.


Igreja Evangélica Bola de Neve
Rua Clélia, 1517 - Lapa / São Paulo - SP
Cultos: Quinta as 20h, Domingo as 10h, 16h (tradução em Libras) e 19h, estamos na Rua Clélia e
Sábado as 20h continuamos na Rua Turiassu, 734 - Perdizes
Para saber os horários de cultos na sua cidade acesse o site: www.boladeneve.com